TRANSPORTE: “Corujão” vai contar com escolta de segurança da Guarda Municipal



A Guarda Municipal do Natal (GMN) vai garantir a escolta de segurança das linhas de transporte coletivo que circulam na capital a partir das 23h, os conhecidos corujões. A Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) definiu o planejamento da operação em reunião ocorrida nesta quinta-feira (04), com representantes da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), do Seturn e do Sindicato dos Rodoviários.

O comandante da GMN, Michel Dantas, explicou que as equipes de guardas municipais do serviço ordinário serão reforçadas com agentes que estariam de folga. Serão 10 viaturas operacionais e cerca de 40 homens que vão trabalhar durante toda a noite e madrugada nesta operação. “Desde o início dessa crise que a Guarda Municipal ampliou seu efetivo, intensificou o patrulhamento e vem cumprindo com sua missão constitucional de preservar o bem público e zelar pela segurança do cidadão, e esta operação é mais uma contribuição da corporação com a segurança da capital”, ressaltou.

O efetivo escalado para atuar na operação vai ser apresentado pelo Comando da GMN às 19h, desta quinta-feira (04), na sede administrativa e operacional da corporação, que fica situada na Avenida Rio Doce, 604, bairro Potengi, na zona Norte de Natal. Na ocasião será passado todo o mapa de circulação das viaturas e informado a responsabilidade de cada equipe, como também o trajeto da escolta.

As 10 viaturas estarão interligadas com comunicação via rádio pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) e vão agir integradas com as forças de segurança do estado. Logo após o repasse do planejamento da ação de segurança, as equipes saem para as ruas no sentido de guarnecer as maiores áreas de circulação de pessoas e às 23h será iniciada a escolta de prevenção do transporte público coletivo. “Nosso objetivo é que o cidadão natalense tenha uma volta tranquila e segura para casa”, enfatizou o comandante Michel.

Além dos guardas municipais que vão atuar na escolta, outros 90 agentes estão hoje de serviço em escolas, unidades de saúde e prédios municipais da capital. Os guardas municipais vêm reforçando o patrulhamento diuturnamente da cidade desde a última sexta-feira (29). O serviço vem sendo realizado por homens distribuídos em viaturas de trabalho ostensivo e em pontos base de segurança. A medida já evitou atos de vandalismo e resultou em prisões de suspeitos de participarem de crimes de incêndios que ocorreram na capital.
Google +