Fórum debate integração entre órgãos de trânsito e transporte da Região Metropolitana



“Integrar ainda mais a Região Metropolitana: este foi o principal objetivo do encontro do Fórum Permanente de Trânsito e Transporte da Região Metropolitana” destacou a secretária da STTU, Elequicina Maria do Santos logo após reunião do colegiado na manhã desta segunda-feira (18), na sede da STTU, no bairro da Ribeira, em Natal.

O Fórum de Trânsito e Transporte da Região Metropolitana de Natal (FPTT) nasceu com a proposta de integrar os esforços dos diversos órgãos públicos da Grande Natal, promovendo as discussões dos problemas ligados ao trânsito e transporte da região por meio de debates que visam encontrar soluções comuns para a melhoria da mobilidade urbana.

No encontro de hoje, entre outros temas, foi discutida a questão da fiscalização na Av. Bel. Tomaz Landim. Para o representante da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Ewerton Gomes de Araújo, “a ideia do órgão é passar a gestão de toda fiscalização da avenida para Natal até os limites da cidade e, com isso, permitir que a STTU fiscalize as infrações cometidas na avenida, como por exemplo, o estacionamento sobre as calçadas”, ressaltou.

Para a secretária da STTU, Elequicina Maria dos Santos – que é também presidente do Fórum – a proposta “vai nos ajudar muito a melhorar o trânsito naquela via, que é muito complicado pela quantidade de veículos leves e pesados que usam a via”.

Ainda durante o encontro, Juedson Costa – titular da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de Macaíba (SMTT) – ressaltou que o FPTT é o primeiro passo para um convênio entre as cidades. “O cidadão sente esta necessidade de integração”, ressaltou.

Presente também na reunião, o secretário adjunto de Trânsito e Transporte de Parnamirim (SETRA), José Rubens Jacinto Segundo disse que essa é a nova realidade dos municípios nas regiões metropolitanas do país e o poder público tem que acompanhar esta necessidade. “As cidades estão crescendo, Natal já está conurbada com Parnamirim e isso continua crescendo”.

Hoje dos 14 municípios da RMN, oito fazem parte do Fórum. São eles as cidades de Natal, São Gonçalo do Amarante, Macaíba, Parnamirim, Ceará-Mirim, Nísia Floresta, São José de Mipibu e Extremoz. Além dos órgãos municipais, o DNIT, a PRF, Detran, DER e CPRE fazem parte do FPTT.
Google +